Guarda Noturno Madeira

Paulo Alves - Zona 2, Sé / S. Pedro

Esclarecimento das Zonas

Na imagem apresenta-se o mapa onde constam as seis zonas de atuação dos  guardas noturnos do Município do Funchal (clique para ver imagem maior) bem com a foto de cada um deles, ajudando os futuros contribuintes que queiram aderir ao serviço de guarda noturno a saber quem é o guarda noturno da zona onde tem um estabelecimento , casa, escritório etc.

Resta acrescentar, e não menos importante em altura de férias e folgas:

Zona 1 e zona 2 - O guarda noturno da zona 1 assegura o serviço, em caso de folga ou férias do guarda noturno da zona 2, e vice-versa

Zona 3 e Zona 4 - O guarda noturno da zona 3 em caso de folga ou férias o serviço é assegurado pelo guarda noturno da zona 4 e vice -versa

Zona 5 e Zona 6 - quando o guarda noturno da zona 5 está de folga ou férias o serviço é assegurado pelo guarda noturno da zona 6 e vice -versa

Mensagem aos contribuintes

Caros contribuintes, venho por este meio vos apresentar um balanço desde o dia 4 Agosto ao dia 21 de Agosto em que estive a fazer as duas zonas 1 e 2, em primeiro lugar no dia 4 por o meu colega ter estado de folga e a partir do dia 5 Agosto e até ao dia 21 de Agosto por motivo de férias do mesmo.

Então temos após 17 noites consecutivas a fazer as duas zonas  com rondas a 160 contribuintes (número de contribuintes das zonas 1 e 2) ) temos;
- portas abertas - 16 (condomínios e prédios  de escritórios essencialmente)
- portões abertos - 3 portões abertos (casas particulares e condomínios)
- chaves na porta - 3 situações (casas  particulares)
- janelas abertas - 4 situações
- 6 Disparos de alarme ( dentro do horário de serviço)
- 1 viatura aberta

Estamos a falar em várias passagens a esses 160 contribuintes, uma coisa posso garantir, fácil não é, e não é para qualquer um, agora lá que é preciso estar bem fisicamente penso que disso ninguém tem dúvidas.

Devo salientar, para quem não sabe, as rondas não são feitas só de carro, há centros comerciais, condomínios, clínicas, prédios de escritórios que implica ronda ao edifício e isso só pode se feito pedonalmente.

Atenção a estas situações!!

Caros contribuintes,

o guarda noturno Paulo Alves, da zona 2, chama novamente a atenção para estas situações, detetadas durante o serviço evitando assim algumas situações potencialmente desagradaveis para os seus clientes:

 
23 fevereiro 2024 - 1:31am 23 fevereiro 2024 - 2:24am  
21 fevereiro 2024 - 2:53am 22 fevereiro 2024 - 0:37am 22 fevereiro 2024 - 2:42am
20 fevereiro 2024 - 0:35am 20 fevereiro 2024 - 4:30am 21 fevereiro 2024 - 1:18am
18 fevereiro 2024 - 3:05am 19 fevereiro 2024 - 0:38am 19 fevereiro 2024 - 1:56am
16 fevereiro 2024 - 1:09am 16 fevereiro 2024 - 2:38am 18 fevereiro 2024 - 0:34am 
14 fevereiro 2024 - 2:36am 15 fevereiro 2024 - 0:51am 15 fevereiro 2024 - 1:04am
13 fevereiro 2024 - 0:42am 13 fevereiro 2024 - 1:42am 14 fevereiro 2024 - 2:30am
12 fevereiro 2024 - 0:45am 12 fevereiro 2024 - 2:30am 12 fevereiro 2024 - 3:15am
10 fevereiro 2024 - 4:25am 11 fevereiro 2024 - 1:05am 11 fevereiro 2024 - 2:50am

Carta aos Contribuintes

Exmos contribuintes, farto de alguma difamação resolvi revelar o porquê de muitas vezes ser alvo de alguma critica por parte de um ou outro colega.

Aqui fica de fato o que, na minha opinião, marca a diferença entre a minha forma de trabalhar enquanto guarda noturno e a de alguns colegas:

- em primeiro lugar o divulgação pelo site GNMADEIRA.COM, que divulga tudo o que de mais relevante se passa durante o meu turno na minha zona, sendo importante que os contribuintes saibam o que andamos a fazer;

- o investimento que tenho feito em divulgar o meu serviço e a própria profissão na comunicação social, em jornais principalmente (Diário de Noticias e Jornal da Madeira) só este ano já gastei pelo menos 900 euros, coisa que mais ninguém (guarda noturno) que eu tenha conhecimento o fez;

- o fato de andar semana apôs semana no terreno durante as tardes na busca de novos contribuintes o para colmatar os que infelizmente fecham portas ou pura e simplesmente deixam de ter condições para pagar o serviço;

 - e os impostos que pago, ou que tenho pago desde que sou guarda noturno, estamos a falar em valor que no caso do IRS já ultrapassa os 27 mil euros até á data, e no caso do IVA já ultrapassa os 35 mil euros (não estou a incluir os 620 euros mês que pago de segurança social ou seja são mais 7440 euros ano) estamos a falar num total de impostos diretos que ultrapassam os 62 mil euros ao longo destes 5 anos e mais alguns meses (5 mil euros dos quais ainda estou a pagar) o que significa que já paguei até ao dia de hoje 57 mil euros de impostos diretos.

Mais uma vez digo e repito quem vem para esta profissão, ou vem por dedicação e porque de fato gosta do que faz, com é o meu caso, ou quem vem com outro pensamento (enriquecer por exemplo) está a perder o seu tempo.

Uma coisa é certa esta profissão requer trabalho, muito trabalho e uma constante procura por novos contribuintes quem assim não o fizer naturalmente vai ver a sua carteira de contribuintes diminuir e como consequência o vencimento, e só se poderá culpar de si próprio e não do colega Paulo Alves ou de outro colega qualquer por ter e tentar manter o número de contribuintes que tem.

 

Escala dos guardas noturno - zona 1 e 2

Escala dos Guardas Noturnos do Mês de MAIO- 2016

  D S T Q Q S S D S T Q Q S S D S T Q Q S S D S T Q Q S S D S T
  1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31
Zona 1 F 0H 0H 0H 0H 0H F 0H 0H 0H 0H 0H F 0H 0H 0H 0H 0H F 0H 0H 0H 0H 0H F 0H 0H 0H 0H 0H F
Zona 2 0H 0H 0H 0H F FS 0H 0H 0H 0H 0H F 0H 0H 0H 0H 0H F 0H 0H 0H 0H 0H F 0H 0H 0H 0H 0H F 0H

Zona 1 ( Sé/Stª Maria Maior/Stª Luzia) - Élvis

Zona 2 ( Sé/ S. Pedro) - Paulo Alves

F - folga

FS - folga suplementar

 

Carta aos contribuintes

Eu, Paulo Alves Guarda Noturno da zona 2, Sé \ S. Pedro, e venho dar a conhecer uma realidade que está diretamente ligada á profissão de guarda noturno, que são ao fim ao cabo os contribuinte ou clientes quando se volta a assistir ao encerramento de alguns estabelecimentos comerciais no centro do Funchal com o demonstram as fotos.

Nestes últimos 5 anos e só falando como é óbvio pela zona 2 Sé/S. Pedro onde presto serviço houve á volta de 50 estabelecimentos que encerraram portas. É certo que também reabriram cerca de duas dezenas sendo que como é normal nem todos os estabelecimentos que reabriram aderiram ao serviço de guarda noturno.

Daí que como já o referi por diversas vezes a profissão de guarda noturno tem que ser uma contínua procura no terreno de contribuintes/clientes por forma a colmatar os que vão infelizmente encerrando portas, de modo a poder garantir a cobertura de todas as nossas despesas, viatura, equipamento, seguros, impostos etc, e ter algum rendimento/ salário no final de cada mês.

Visitantes

536567
Foto 2011
Foto 2021

Contatos

Paulo Alves
Guarda Noturno
Madeira Portugal
Mobile: 927 254 576
Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
www.gnmadeira.com

Parceiros